domingo, 08 de dezembro de 2019. 21:07
<div class='trigger trigger_error'><b>Erro na Linha: #30 ::</b> Undefined variable: Pos<br><small>/home/serjaobl/public_html/themes/serjao_blog2/artigo.php</small><span class='ajax_close'></span></div>

Jário Barros participa ao lado do prefeito Rogério Teófilo, de reunião que marcou sanção de leis para entidades filantrópicas de Arapiraca

2019-09-05 18:39:00, Por: Sergio Marcos

Jário Barros participa ao lado do prefeito Rogério Teófilo, de reunião que marcou sanção de leis para entidades filantrópicas de Arapiraca

Foto: Divulgação 


O presidente da Câmara Municipal de Arapiraca, Jario Barros, participou na manhã desta quinta-feira (5), no Centro Administrativo, de uma reunião com o prefeito Rogério Teófilo, secretários municipais e auxiliares.

Na reunião, o prefeito Rogério Teófilo, sancionou as leis votadas e aprovadas pela Câmara Municipal de Arapiraca, na última terça-feira (3), em Regime de Urgência, que tratava de Emendas Parlamentares dos deputados Marx Beltrão, JHC e Pedro Vilela, cerca de R$9,5 milhões para a aquisição de equipamentos e manutenção dos serviços de Saúde na Capital do Agreste.

O presidente Jário Barros, afirmou que entidades beneficiadas como os recursos, que são carimbados, como o Hospital Regional Nossa Senhora do Bom Conselho, Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), Associação Pestalozzi e Complexo Multidisciplinar Tarcizo Freire, contaram com o trabalho  da Câmara Municipal de Arapiraca, que não mediu esforços e à presidência da Casa, convocou todos os vereadores para se fazerem presentes e votarem e aprovarem as leis” garantiu ele.

Jário Barros lembrou que ainda na última terça-feira (3), usou a tribuna para agradecer aos vereadores que participaram da sessão e aprovaram os projetos enviados pelo Poder Executivo, na tarde daquele mesmo dia.

“Passamos a manhã, à tarde e início da noite, discutindo nas Comissões Permanentes da Casa, para à noite, tudo transcorresse na mais completa tranquilidade e que as entidades contempladas, pudessem receber seus recursos para darem continuidades as atividades”, concluiu Jario Barros.

CTR Craíbas