domingo, 16 de junho de 2019. 05:33
<div class='trigger trigger_error'><b>Erro na Linha: #30 ::</b> Undefined variable: Pos<br><small>/home/serjaobl/public_html/themes/serjao_blog2/artigo.php</small><span class='ajax_close'></span></div>

Agentes e escrivães, fiquem atentos aos chamamentos do Sindpol

2019-05-31 13:40:00, Por: Sergio Marcos

Agentes e escrivães, fiquem atentos aos chamamentos do Sindpol

Foto: Divulgação

 

Os agentes e escrivães vêm sofrendo com a falta de efetivo. Cada policial civil está trabalhando por até cinco profissionais em jornada excessiva, sendo desviado de sua função, por conta da custódia de presos. Eles enfrentam as condições desumanas, insalubres e precárias nas delegacias e ainda sofrem assédio moral e sexual dentro das delegacias de Alagoas.

Nós, agentes e escrivães, precisamos estar unidos e mobilizados para atender as convocações do Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol). É fundamental estar na luta contra esse desmonte da estrutura da Polícia Civil, contra a falta de reconhecimento por parte do Governo do Estado aos trabalhos desenvolvidos pelos agentes de polícia e escrivães, que realmente, carregam a Polícia Civil nas costas aos trancos e barrancos.

Hoje, a Polícia Civil contribui para a segurança pública, reduzindo os homicídios. O resultado positivo do Governo se deve aos agentes de polícia e escrivães de polícia, que estão nas delegacias, cumprindo os seus horários e combatendo a criminalidade. Os agentes e escrivães prendem e conduzem os criminosos à audiência de custódia, atendem a população e confeccionam o boletim de ocorrência. São os agentes e escrivães que fazem as investigações, trabalham no sistema de inteligência e no monitoramento dos criminosos.

Já basta de desmonte da Polícia Civil e da falta de incentivo e de motivação aos agentes e escrivães. Peço a toda a categoria que fique atenta e mobilizada para os chamamentos do Sindpol.

Ricardo Nazário,
Presidente do Sindpol

CTR Craíbas