quarta, 20 de maro de 2019. 13:07
<div class='trigger trigger_error'><b>Erro na Linha: #30 ::</b> Undefined variable: Pos<br><small>/home/serjaobl/public_html/themes/serjao_blog2/artigo.php</small><span class='ajax_close'></span></div>

Aos 34, Cristiano Ronaldo se consolida como maior atleta da história do futebol

2019-02-05 20:00:00, Por: Sergio Marcos

Se Cristiano Ronaldo fosse como outros vencedores da Bola de Ouro, ele já teria ou estaria pendurando suas chuteiras agora, como Marco van Basten, Michael Owen ou Zinedine Zidane, talvez após uma passagem pela MLS, como Kaká.

Mas Cristiano Ronaldo não é como os outros vencedores da Bola de Ouro.

Onze anos se passaram desde a primeira vez em que o português foi eleito o melhor jogador do mundo, mas o camisa 7, que completa 34 anos nesta terça-feira (5), não dá sinais de que está caindo de rendimento.

No fim de 2019, ele mais uma vez esteve na disputa para ganhar o prêmio de melhor jogador do mundo. Na Juventus, vive um excelente início de trajetória no clube, é o artilheiro da Serie A e segue quebrando recorde após recorde, aumentando sua lenda e imortalidade.

E enquanto o debate de quem é o melhor entre Lionel Messi e Cristiano Ronaldo continuará para sempre, não existem dúvidas de que Ronaldo é o mais incrível atleta da história do futebol.

Aos 34, Cristiano Ronaldo se consolida como maior atleta da história do futebol

Foto: Divulgação

"A estrela portuguesa tem a capacidade física de um jogador de 20 anos", escreveu o jornal espanhol AS após sua ida do Real Madrid para a Juventus, citando os 7% de gordura corporal e 50% de massa muscular, números muito superiores aos normais de um futebolista.

Em sua apresentação em Turim, o próprio Ronaldo disse estar na Itália para um desafio. "Estou aqui porque é um desafio muito grande na minha carreira. Na minha idade, os jogadores normalmente vão para a China. Eu sou diferente de todos, de todos os jogadores com 32, 33 ou 34 anos", afirmou.

E CR7 realmente é diferente. O gajo sempre foi muito dedicado com sua condição física e, não à toa, colhe os frutos mantendo o alto nível mesmo na fase final da carreira.

Aos 34, Cristiano Ronaldo se consolida como maior atleta da história do futebol

Foto; Divulgação

"Ele foi a primeira pessoa que eu vi contratando um nutricionista, um doutor, um preparador físico pessoal. Ele investiu em si mesmo para se tornar o melhor jogador do mundo", revelou Rio Ferdinand, ex-zagueiro do Manchester United e companheiro de Cristiano Ronaldo nos Red Devils, à ITV.

"Uma vez eu estava no meu escritório e vi alguém se movendo entre as árvores. Talvez fosse um espião, então chamei a segurança e perguntei o que era. Me disseram: 'É Cristiano Ronaldo, ele está treinando sozinho'. Ele é único. É muito raro ver um jogador jovem com tanto talento, comprometimento e personalidade tão forte. Cristiano é obcecado com a perfeição", contou Carlos Queiroz, ex-assistente de Sir Alex Ferguson no United, ao The National.

As histórias sobre o comprometimento e a obsessão de CR7 em ser o melhor são várias. Carlo Ancelotti, seu técnico no Real Madrid, também conta uma. "Às vezes, quando voltávamos de um jogo pela Champions League, podiam ser três da manhã, mas Ronaldo não ia direto para casa. Ele ia para o centro de treinamento para uma banheira de gelo para lhe ajudar na recuperação do jogo", disse ao Daily Mirror.

Aos 34, Cristiano Ronaldo se consolida como maior atleta da história do futebol

Foto: Divulgação

Não à toa, Giorgio Chiellini, seu companheiro na Juventus, acredita que o português pode jogar até os 40 anos e o próprio gajo pretende seguir jogando por muitas temporadas. "Quando eu renovei (com o Real Madrid), eu disse que poderia jogar até os 41 anos. Era metade brincadeira e metade sério. Se eu me sentir bem, sem lesões e ainda estiver motivado, eu vou jogar até os 35, 41 ou 45, não sei", disse CR7 à Sky Sports.

E como já ficou provado que não se pode duvidar de Cristiano Ronaldo, é melhor acreditar que o português ainda jogará por muitos anos. Em seu primeiro ano na Juve, já são 17 gols em 22 jogos na Serie A. Tendo ainda a Champions League, competição em que costuma sempre brilhar, o grande desempenho dá indícios de que o gajo pode superar o recorde histórico de Ferenc Hirzer e ultrapassar a marca de 35 tentos em uma temporada pela Vecchia Signora. E isso aos 34 anos.

Aos 34, Cristiano Ronaldo se consolida como maior atleta da história do futebol

Foto: Divulgação

É claro que sempre existirão aqueles que acham Lionel Messi, um jogador claramente mais talentoso e natural que o português, melhor que Cristiano Ronaldo, assim como existirão aqueles que acreditam que os jogadores do passado como Pelé e Diego Maradona sempre serão os melhores. No entanto, se o tênis tem Roger Federer, o futebol tem Cristiano Ronaldo, um homem especial que fica melhor a cada ano como um bom vinho.

CTR Craíbas

Nota de Pesar

2019-03-20 08:47:00, Por: Sergio Marcos

Papa Rejeita demissão cardeal

2019-03-20 06:26:00, Por: Sergio Marcos
Câmara de Vereadores de Craíbas
BioMed - Laboratório de Análises Clínicas
Odonto Med Sorriso