quinta, 14 de novembro de 2019. 17:41
<div class='trigger trigger_error'><b>Erro na Linha: #30 ::</b> Undefined variable: Pos<br><small>/home/serjaobl/public_html/themes/serjao_blog2/artigo.php</small><span class='ajax_close'></span></div>

Arapiraca terá produção de abacaxi recorde para 2019

2019-10-21 19:18:00, Por: Sergio Marcos

 

Arapiraca terá produção de abacaxi recorde para 2019

Foto: Abacaxi

Em Arapiraca, na região Agreste alagoana, devem ser colhidos mais de um milhão de frutos; produto atenderá mercado interno e externo, além de merenda escolar

O município de Arapiraca, no Agreste alagoano, desponta como o maior produtor de abacaxi da região e de Alagoas. Na comunidade do Poção, são aproximadamente 500 pequenos produtores rurais que trabalham diretamente com o cultivo do fruto e que recebem sistematicamente assistência técnica da equipe da Emater/AL.

De acordo com dados da Regional da Emater, em Arapiraca, para a safra deste ano a expectativa é de um milhão e 100 mil frutos de abacaxi, o que vai proporcionar uma renda significativa para os pequenos produtores rurais ligados à agricultura familiar, tanto para os que comercializam diretamente nas feiras livres para atravessadores, como para os que atuam na venda direta para merenda escolar e PAA.

Vanessa Pinheiro, supervisora regional da Emater/Arapiraca, explica que o trabalho desenvolvido pela equipe no Agreste junto aos produtores de abacaxi, vai possibilitar uma boa produtividade, além de aumentar a comercialização dos frutos. “Os técnicos da Emater, além de oferecer assistência lá na ponta, orientando sobre a preparação da terra e cultivo, também orientam os agricultores familiares na venda dos abacaxis dentro das políticas públicas como PAA e PNAE”, reconhece Vanessa.

Dona Judite Caetano, presidente da Associação de Produtores de Abacaxi da região do Poção, em Arapiraca, e produtora há mais de 20 anos, acredita que este ano haverá uma excelente safra para as famílias, já que, com as orientações da Emater, tanto na produção como nas vendas, será um ano de lucro.

“Além de orientar sobre o uso correto da água, do solo e do espaçamento, o técnico da Emater também facilita a vida dos agricultores com a emissão das DAPs e como escoar nossa produção”, reconhece dona Judite.  

Em 2018, dos 20 produtores vinculados à Associação de Produtores de Abacaxi da região do Poção, foram comercializados 60 mil quilos de frutos fornecidos para instituições como escolas e hospitais da rede pública, com preços acima das expectativas de mercado, por unidade.

Israel Lucas, técnico extensionista da Emater regional de Arapiraca, que atua junto aos produtores da comunidade Poção, explica que a média de colheita por hectares fica em torno de 21 mil frutos, com tamanho e peso do fruto característicos de uma boa safra, do ponto de vista de produtividade e comercialização.

“Como o período de chuvas na região foi muito favorável este ano, vai possibilitar o fruto atingir dois quilos, em média, gerando uma boa renda aos agricultores familiares da região que trabalham diretamente com o cultivo do abacaxi”, afirma o técnico da Emater.

Texto de Ronaldo Lima

CTR Craíbas