tera, 10 de dezembro de 2019. 16:19
<div class='trigger trigger_error'><b>Erro na Linha: #30 ::</b> Undefined variable: Pos<br><small>/home/serjaobl/public_html/themes/serjao_blog2/artigo.php</small><span class='ajax_close'></span></div>

Fim da aposentadoria: pensão por morte será inferior ao salário mínimo

2019-08-08 14:43:00, Por: Sergio Marcos

Fim da aposentadoria: pensão por morte será inferior ao salário mínimo

Foto:Divulgação

O plenário da Câmara rejeitou hoje uma proposta de mudança na reforma da Previdência que impedia que a pensão por morte fosse inferior a um salário mínimo.

Os deputados também barraram: pedido para incluir no tempo de contribuição pagamento inferior ao mínimo proposta para não restringir o acesso ao BPC (Benefício de Prestação Continuada), pago a idosos e deficientes pobres O texto principal da reforma foi aprovado pelos deputados, em 2º turno, na madrugada desta quarta-feira (7), por 370 votos a favor, 124 contra e 1 abstenção. Agora, a Câmara vota os destaques. Na atual fase de tramitação da reforma, podem ser votados destaques apenas para retirar partes do texto, e não para inserir conteúdos.

 
O destaque proposto pelo PCdoB queria impedir que a pensão por morte fosse inferior a um salário mínimo. A proposta foi rejeitada por 339 votos a 153.

O valor da pensão por morte foi um dos principais impasses da reforma no plenário da Casa. Atualmente, nenhuma pensão pode ser menor do que o salário mínimo, mas isso muda com a reforma da Previdência. Pelo texto, o valor da pensão por morte será equivalente a 60% da aposentadoria, acrescentando 10% a cada dependente adicional, até o limite de 100%.

CTR Craíbas