quarta, 20 de novembro de 2019. 04:53
<div class='trigger trigger_error'><b>Erro na Linha: #30 ::</b> Undefined variable: Pos<br><small>/home/serjaobl/public_html/themes/serjao_blog2/artigo.php</small><span class='ajax_close'></span></div>

Flávio Moreno confirma que empresários do turismo no Nordeste receberão crédito de R$ 200 milhões

2019-10-31 20:15:00, Por: Sergio Marcos

Foto: Flávio Moreno

O Presidente do PSL Alagoas, Flávio Moreno, confirmou em entrevista à TV Mar que o Ministério do Turismo liberará em forma de linha de crédito R$ 200 milhões para pequenos e médios empresários do ramo turístico de regiões do Nordeste atingidas pelo vazamento de óleo.

Segundo a pasta, o recurso virá do Fundo Geral do Turismo (Fungetur), por meio de agentes financeiros da linha de crédito, com condições diferenciadas de prazos e custos.

Moreno informou ainda que nos próximos dias serão anunciados os responsáveis pelo do vazamento de petróleo venezuelano. Desde o início de setembro, o Governo Federal através de vários órgãos atua para sanar o problema e investigando a causa.

Segundo, o presidente do PSL Alagoas, o Foro de São Paulo, organização criminosa da esquerda na América vem tentando desestabilizar os países da região, inclusive o Brasil. O Brasil vem em uma crescente econômica, já gerou 760 mil empregos até setembro, o turismo cresce, os investimentos empresariais e a redução dos juros na menor taxa da história são incentivadoras do boom econômico. Tudo isso, incomoda a esquerda e seu braço na América, o Foro de SP.

Em visita a Porto de Galinhas (PE), o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, disse que o objetivo é ajudar pequenos empreendimentos turísticos a superar um possível período de retração de suas atividades. "As linhas de crédito do Fungetur são muito atrativas do ponto de vista de prazo, custo do crédito e carências para Estados e cidades impactadas pelo óleo vindo do mar", afirmou o titular da pasta.

No Nordeste, o Fungetur é operado pela Caixa Econômica Federal e pelo Banco do Estado de Sergipe (Banese). O Ministério do Turismo informou também que lançará, nos próximos dias, um edital para credenciar novos agentes financeiros, especialmente para atendimento à região afetada pelo óleo.

Atualmente, o Fungetur tem R$ 156 milhões em 113 operações contratadas, desde 2018, de acordo com dados divulgados pela própria pasta.

CTR Craíbas