segunda, 18 de maro de 2019. 17:08
<div class='trigger trigger_error'><b>Erro na Linha: #30 ::</b> Undefined variable: Pos<br><small>/home/serjaobl/public_html/themes/serjao_blog2/artigo.php</small><span class='ajax_close'></span></div>

Os técnicos mais bem pagos do futebol brasileiro

2019-02-18 08:42:00, Por: Sergio Marcos

Os técnicos mais bem pagos do futebol brasileiro

Foto: Divulgação

Renato Gaúcho é o técnico mais bem pago do futebol brasileiro, de acordo com levantamento feito pelo Blog e que incluiu todos os grandes clubes do país. Com a renovação do contrato, depois da proposta do Flamengo, o treinador passou a ganhar R$ 900 mil por mês no Grêmio – o valor inclui salários e luvas, como são chamados os prêmios pela assinatura do contrato.

O palmeirense Felipão e o cruzeirense Mano Menezes aparecem logo depois, embolsando R$ 800 mil, cada. Atual campeão brasileiro, Felipão fatura R$ 500 mil mensais de salário e outros R$ 300 mil de luvas. Seu contrato com o Verdão ainda inclui um auxílio-moradia de R$ 11 mil por mês.

No acordo com Mano, além dos altos vencimentos, chama atenção o custo de dois de seus fieis escudeiros: o auxiliar-técnico Sidnei Lobo e o preparador físico Dudu Silva, os mais bem pagos do país. Parceiros do gaúcho há longa data, eles faturam R$ 160 mil por mês, cada.

O corintiano Fábio Carille, que voltou com muito moral da Arábia Saudita, é o quarto do ranking. Ele ganhava R$ 300 mil no Parque São Jorge antes de se mudar ao Al-Wehda. Para conseguir repatriá-lo, o Timão banca R$ 500 mil mensais de salários e R$ 200 mil de luvas. Na capital saudita, ele ganhava R$ 800 mil por mês, livres de impostos.

Jorge Sampaoli no Santos e Abel Braga no Flamengo embolsam praticamente a mesma coisa. Com o detalhe de que o argentino tem seu salário fixado em dólar, ou seja, sujeito às oscilações da moeda americana em relação ao real. Já Abel terá direito a prêmios milionários em caso de conquistas de títulos.

Na sequência, aparecem o atleticano Levir Culpi, com vencimentos de R$ 400 mil; o botafoguense Zé Ricardo e Rogério Ceni no Fortaleza com R$ 250 mil, cada; e o colorado Odair Hellmann e o tricolor Vagner Mancini, com R$ 200 mil. Já Fernando Diniz, do Fluminense, e Alberto Valentim, do Vasco, recebem R$ 180 mil por mês.

De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), um técnico de futebol no Brasil ganha em média R$ 7.987,95 por mês, por uma jornada de trabalho de 41 horas semanais. O levantamento foi feito com a inclusão de 957 treinadores brasileiros durante o segundo semestre do ano passado.

QUANTO GANHAM OS TÉCNICOS NO BRASIL*:
1º Renato Gaúcho (Grêmio): R$ 900 mil 2º Felipão (Palmeiras): R$ 800 mil Mano Menezes (Cruzeiro): R$ 800 mil 4º Fábio Carille (Corinthians): R$ 700 mil 5º Jorge Sampaoli (Santos): R$ 610 mil 6º Abel Braga (Flamengo): R$ 600 mil 7º Levir Culpi (Atlético-MG): R$ 400 mil 8º Zé Ricardo (Botafogo): R$ 250 mil Rogério Ceni (Fortaleza): R$ 250 mil 10º Odair Hellmann (Inter): R$ 200 mil Vagner Mancini (São Paulo): R$ 200 mil 12º Alberto Valentim (Vasco): R$ 180 mil Fernando Diniz (Fluminense): R$ 180 mil

* valores incluem salários e luvas

CTR Craíbas